Laboratório de Fisiologia de Micro-organismos

O Laboratório de Fisiologia de Micro-organismos (LabFis),instalado no Instituto Bioagro da UFV, integra os laboratórios do Departamento de Microbiologia (DMB). O LabFis desenvolve dois tipos de pesquisas cujos objetos de estudo são: leveduras e produção de biocombustíveis.

LEVEDURAS, EM ESPECIAL A LEVEDURA DO LEITE, DO GÊNERO KLUYVEROMYCES (K. lactis e K. marxianus):
Desenvolve-se pesquisas controlando a fisiologia da levedura por meio do controle da velocidade de crescimento em culturas contínuas operadas como quimostato para aumentar rendimento e produtividade de biomoléculas de interesse. Estuda-se evolução, envelhecimento e resposta a estresse, fenômenos usando como estratégias culturas contínuas. Do ponto de vista industrial estudamos a construímos leveduras recombinante para expressão heteróloga de biomoléculas com propriedades que abrangem de biocombustível a proteínas/enzimas, vitaminas, antibióticos e vacinas.
- Área de pesquisa: Microbiologia Industrial – A área de pesquisa é Microbiologia Industrial com foco em Fisiologia e Biotecnologia de Leveduras, com destaque para o gênero Kluyveromyces, que é capaz de crescer numa ampla gama de substratos presentes em diferentes resíduos agroindustriais, como lactose (do soro de queijo) xylose ou celobiose (da biomassa lignocelulosica). Kluyveromyces é uma levedura metabolicamente flexível, que pode oxidar completamente o substrato formando massa celular ou pode oxidar parcialmente (fermentar) produzindo álcoois (etanol; glicerol; xilitol) ácidos orgânicos (ácidos latico, málico,). É utilizado cultivos em biorreatores para controlar a fisiologia celular visando aumentar o rendimento de metabolitos ou proteínas/enzimas de interesse socioeconômico, seja associados ou não-associados (secondario) ao crescimento. Esses produtos são sintetizados tanto pelas vias metabólicas de leveduras nativas quanto por vias metabólicas engenheiradas construídas pela clonagem de genes isolados de plantas, animais ou outras células microbianas.
- Serviços: análise de produtos de fermentação, incluindo rendimento e produtividade massa celular.
- Produtos: Enzimas (lactase, pectinases, celulases) de Kluyveromyces sp.; Fermentações de leveduras (etanol, glicerol, xilitol, acido lático, acido succínico, acido málico, cítrico e outros ácidos orgânicos); Produção de vitamina C de lactose; Produção de etanol de soro de queijo; Produção de peptídeo para diagnóstico da dengue; Produção de inóculo e de coquetel de enzimas celulolíticas.
- Processos: imobilização de beta galactosidase para hidrolise de lactose em produtos derivados de leite.
- Empresas parceiras: Laticínios FUNARBE e MicroVet.
- Apoio: Finep/ CNPq e MCT/CNPq.

PRODUÇÃO DE BIOCOMBUSTÍVEIS
Possui como objetivo principal a contribuição para o desenvolvimento da produção de etanol de segunda geração, focando na otimização da produção deste biocombustível em biomassa lignocelulósica por Kluyveromyces marxianus CCT 7735. Além disso, objetiva-se selecionar leveduras oleaginosas capazes de converter biomassas lignocelulósicas em lipídeos, tendo em vista a sua utilização como fonte de óleo para a produção de biodiesel. Regulação do metabolismo de leveduras: Entender a regulação das redes metabólicas de leveduras por meio de uma compreensiva análise do seu perfil metabólico (metaboloma), tendo em vista a aplicação deste conhecimento em projetos de engenharia metabólica.
-Área de pesquisa: Microbiologia Industrial – Nesta área de pesquisa os micro-organismos são utilizados na produção de enzimas, proteínas recombinantes, metabólitos, biocombustíves, alimentos, etc.
-Serviços: produção de biomassa microbiana de importância socioeconômica.

 

Equipamentos:
01 Cromatógrafo Líquido de Alta Eficiência HP 1047A
01 Cromatógrafo líquido de Alta Eficiência Shimadzy SPD-10Ai
01 Cromatógrafo líquido de Alta Eficiência Shimadzy LC AT20
01 Espectrofotômetro BECKMAN DU série 600
03 Fermentadores New Brunswick modelos BioFlo/Celligen 115
01 Fermentador New Brunswick modelos BioFlo/Celligen 310
02 Incubadores Rotatórios (NEW BRUWICH SCIENTIFIC CO., Séries 25 D)
02 Capelas de Fluxo laminar Veco 01 Estufa de Cultura Modelo 002CB
01 Centrífuga Sorvall Instruments RC5C
01 Centrífuga refrigerada Sigam 2k15 02 Banho-maria Isotemp
01 Leitora de Microplacas Multiskan GO Thermo Sicentific
Cromatografia de alta pressão (HPLC) configurado para análise de substratos (açúcares) e produtos do metabolismo microbiano (álcoois e ácidos orgânicos)

Equipe de pesquisadores:
Coordenadora Titular: Prof.ª Flávia Maria Lopes Passos (currículo lattes: http://lattes.cnpq.br/5395730537737482)
Coordenador Suplente: Prof. Wendel Batista da Silveira (currículo lattes: http://lattes.cnpq.br/7361036485940798)
Prof. Antônio Galvão do Nascimento (currículo lattes: http://lattes.cnpq.br/0800366304990945)
Técnico: Hugo Leonardo André Geniêr (currículo lattes: http://lattes.cnpq.br/8730437787707448)

Telefone: (31) 3899-2956.

Local: Bioagro, sala 302.

Endereço

Universidade Federal de Viçosa (UFV) Campus Viçosa
Instituto de Biotecnologia Aplicada à Agropecuária (Bioagro)
Av. Ph Rolfs, s/n – Viçosa/MG
CEP: 36570-900

Equipe de Desenvolvimento Web/UFV - 2014 - Mantido com Wordpress